• IF

  • Activities

    navigation

A ARTE DE VIVER. CONSIDERAÇÕES SOBRE O PENSAMENTO FILOSÓFICO DE HUNDERTWASSER

From: 2018-04-23 To:2018-04-23

Go back
  • Thematic Line


    Modern & Contemporary Philosophy
  • Research Group


    Mind, Language & Action
  • MLAG RESEARCH SEMINAR 2017-2018

    A ARTE DE VIVER.  CONSIDERAÇÕES SOBRE O PENSAMENTO FILOSÓFICO DE HUNDERTWASSER 

    Paulo Alexandre e Castro*
    (CEHUM-U.Minho/CIAC-U.Algarve)

     

    23 de abril 2018 (segunda-feira)

    15h30 | Sala de Reuniões 2

    Entrada livre

     

    Resumo: Procurar-se-á realizar neste seminário uma tentativa de clarificação do pensamento do artista Hundertwasser. Tal pensamento configura a nosso ver um pensamento filosófico muito profícuo cujo alcance está ainda por determinar. Se por um lado se vê plasmada uma filosofia da arte não é menos verdade que não esteja configurada uma ecologia, uma filosofia política, uma ética. Hundertwasser não procura discursar utopicamente sobre o futuro possível da humanidade mas procura fornecer as estruturas de base de uma filosofia prática, que é a um só tempo estética, ética e política. Pode, aliás, descortinar-se nesse pensamento a idealização de um sistema global que se pensa a partir da intimidade do homem para chegar à totalidade do mundo, isto é, dessa primeira instância do sentir que é a sua pele e que estende o conceito até ao seu limite, sendo que o limite é o próprio mundo, relacionando a prática do acto criativo individual até à prática generalizada de uma ecologia global que não se subsume na mera reivindicação de práticas ambientais mas se coordena com a ambição de uma nova arquitectura. Neste sentido ele acaba por afirmar o lugar de uma política educativa ao mesmo tempo que reenvia a uma ética ambiental auto-sustentável.

    * Paulo Alexandre e Castro é investigador do Centro de Estudos Humanísticos da Universidade do Minho e do Centro de Investigação Arte e Comunicação da Universidade do Algarve. Autor e co-autor de diversos livros de ensaio e literatura (romance, poesia, teatro, catálogos de pintura). Fundador da revista (bilingue português/inglês) Uncanny – Revista de Filosofia e Estudos Culturais. Áreas de interesse:  Estética e Filosofia da Arte, Neurofilosofia e Crítica da Cultura Contemporânea.

     

    Imagem: Friedensreich Hundertwasser, 433 The I Still Do Not Know (1960). KunstHausWien, Vienna, Austria. © NAMIDA AG, Glarus

     

    Programa MLAG Research Seminars: http://ifilosofia.up.pt/activities/mlag-research-seminar-2017-2018

     

    Organização:
    Research Group Mind Language and Action Group (MLAG)
    MLAG Seminars 2017-2018 (Sofia Miguens, Luís Veríssimo, Diana Couto, José Pedro Correia)

    Instituto de Filosofia da Universidade do Porto - FIL/00502
    Financiamento: FCT

    Go back