• IF

  • Activities

    navigation

Conferência 6 | Ciclo de Conferências Filosofia, Política e Tecnologia

From: 2018-04-10 To:2018-04-10

Go back
  • Thematic Line


    Modern & Contemporary Philosophy
  • Research Group


    Philosophy & Public Space
  • Ciclo de Conferências

    Filosofia, Política e Tecnologia​

    2017-2018

    10 de abril 2018
    Sala do Departamento de Filosofia (Torre B – Piso 1)
    Faculdade de Letras da Universidade do Porto

     

    6ª conferência | 17h30

    Nem tecnofilia nem tecnofobia: notas para uma apreciação crítica do impacto da tecnologia 
    Gonçalo Marcelo (CECH, Univ. de Coimbra / Católica Porto Business School)

     


    Resumo: Nesta breve comunicação de carácter exploratório pretendo lançar as bases para uma apreciação crítica do impacto da tecnologia que evite quer a adesão quer a rejeição totalmente acríticas. Nesse sentido, mais do que posicionar-me num debate entre "tecnófilos" e "tecnófobos", tratar-se-á de abordar algumas das questões que moldam o futuro da humanidade e do modelo social que a tecnologia permitirá desenvolver, tentando encontrar ao mesmo tempo os critérios que nos permitam discernir, de uma forma crítica, os resultados desejáveis dos perniciosos. Serão tidos em contas vários aspetos, a saber: o risco de se identificar totalmente a racionalidade com os resultados da tecnociência, obnubilando por conseguinte a existência de formas alternativas de razão, específicas da tradição das humanidades ou das ciências sociais; a ligação intrínseca entre o desenvolvimento tecnológico e a evolução do capitalismo e das formas de exercício do poder e de controlo social; o carácter eminentemente ambíguo do impacto social da tecnologia e da exploração dos seus resultados futuros, entre a utopia e a distopia; ou a necessidade de desenhar políticas públicas que permitam direccionar o desenvolvimento tecnológico no sentido de mitigar as desigualdades sociais e trazer uma maior emancipação.

     

    Nota biográfica: Gonçalo Marcelo é licenciado (2007) em filosofia e doutorado (2014) em filosofia moral e política pela Universidade Nova de Lisboa. Fez investigação em Louvain-la-Neuve, Paris e Nova Iorque. Atualmente, é bolseiro de pós-doutoramento da FCT, desenvolvendo um projeto de crítica da razão no Centro de Estudos Clássicos e Humanísticos da Universidade de Coimbra, onde é investigador integrado, em parceria com a Columbia University (Nova Iorque) e a Católica Porto Business School, onde é Professor convidado. É igualmente líder de grupo na COST Action 16211 (RECAST), num projeto sobre a democracia e os direitos na Europa, financiado pelo H2020. Os seus interesses incidem em áreas como a ética, a filosofia social e política e a hermenêutica, tendo publicado sobre as filosofias de Paul Ricoeur e Axel Honneth, e sobre temas como o reconhecimento, a análise filosófica da crise, ou o rendimento básico incondicional. É igualmente tradutor de filosofia, tendo ganho o 2º Prémio de Tradução Científica e Técnica FCT / FLUL em 2014. Co-edita a Ricoeuriana (Univ. de Coimbra) e tem artigos publicados em revistas como a Philosophy and Social CriticismPhilosophy Today ou a Archivio di Filosofia.

     

    Imagem: Fotografia de Isabel Marques

     

    Ciclo de Conferências Filosofia, Política e Tecnologia 2017-2018http://ifilosofia.up.pt/activities/ciclo-de-conferencias-filosofia-politica-e-tecnologia 

    Organização:
    Research Group Philosophy and Public Space
    Instituto de Filosofia da Universidade do Porto - FIL/00502

    Go back