• IF

  • Projects

    navigation

MUROS | estética, política e artes

Go back
  • Thematic Line


    Modern & Contemporary Philosophy
  • Research Group


    Aesthetics, Politics & Knowledge

 

Muros é um projeto no qual se pretende pensar criticamente a noção de “muros” - visíveis e invisíveis, virtuais e materiais - a partir da contribuição da filosofia, da política e das artes, de modo a questionar as deslocações da zona entre privado e público, do íntimo, do periférico, do efémero e do intempestivo na contemporaneidade. 

 

Após a queda material e simbólica do Muro de Berlim (1989), os muros voltam a disseminar-se como dispositivos políticos imunitários na Europa. Migrantesdeslocadosrefugiadosexilados constituem figuras que se significam em relação a um espaço sedentário onde são marcados os territórios de reconhecimento do mesmo e de rejeição do estranho. Num cenário político de violência extrema, milhões de homens e mulheres deslocam-se sem cartografia definida. Em fuga, num tempo que pode durar uma vida, encontram-se cercados, presos em não-lugares, imobilizados por muros – materiais e imateriais – que convocam cenários onde se joga uma política de destruição do bárbaroatravés de uma geografia de morte. A sobrecarga de refugiados, mortos e deslocados é, assim, um acontecimento que se significa por referência a um território que, sendo uma noção geográfica, é, antes de mais, segundo Michel Foucault, uma noção jurídico-político, ou seja, aquilo que é controlado por um certo tipo de poder. Com o projeto MUROS I estética, política e artes procura-se, sob uma perspetiva sensível e teórica, pensar o impensado de uma política migratória na Europa, através da problematização da figura do muro como dispositivo histórico e político contemporâneo.

Go back

Activities