• IF

  • Activities

    navigation

Metafísica, epistemologia e psicologia no De anima dos Conimbricenses (1598)

From: 2011-10-20 To:2011-10-21

Go back
Group GFM (2011 - 2015) now integrated in:
  • Thematic Line


    Medieval & Early Modern Philosophy
  • Metafísica, epistemologia e psicologia no De anima dos Conimbricenses (1598)


    Colóquio internacional
    FLUP, 20 e 21 de Outubro de 2011

    (...) a todas as partes da filosofia é oportuna esta meditação sobre a alma,
    porque a alma participa da razão e da prudência (...), como que Orizon da eternidade
    e do tempo, do inteligível e do nexo da natureza corpórea e dos limites. Ou, como
    outros disseram, suma de todo o mundo, pois a natureza intermédia representa
    as extremas, a superior como imagem, a inferior como exemplar. Acontece
    que a doutrina da alma é como um compêndio de ciência das coisas humanas
    e divinas e prepara-nos a todos para um outro conhecimento da verdade.
    (Proémio aos três livros do tratado da Alma, trad. Conceição Camps, pp. 179-180)


    Na sequência da recente publicação da tradução portuguesa dos comentários conimbricenses sobre o De anima (1ª ed. de 1598) este encontro internacional pretende discutir, para além de questões histórico-críticas e metodológicas, as posições e problemas filosóficos centrais daquela obra: natureza e faculdades da alma/mente, relação alma-corpo, sensação/percepção, memória, abstração, conhecimento, gnoseologia, intelecção e pensamento, volição, fins do homem.

    PROGRAMA

    --> em pdf

    20 de Outubro
    (13h00 almoço)
    14h30 -16h30 - Departamento de Filosofia (Torre B, piso 1)

    • Abertura do colóquio: Prof.ª Doutora Maria de Fátima Marinho Saraiva (Diretora da FLUP)
    • Angel Poncela (Universidad de Salamanca), Presencia de las teorías Avicenistas y Averroistas en el De Anima de Suárez y en el comentario de los Conimbricenses.
    • José Filipe Silva (Helsinki Collegium for Advanced Studies), Metafísica da percepção sensível no De anima dos Conimbricenses
    • José Meirinhos (Universidade do Porto / GFM), Sentido comum e imaginação: significado e consequências de um regresso a Aristóteles sobre os sentidos internos (Comentário, III, cap. 3)
    17h00-19h00
    • Maria da Conceição Camps (Universidade do Porto / GFM), A tipologia das cores no Curso Jesuíta Conimbricense e em Francisco Suárez
    • José Maria da Costa Macedo (Universidade do Porto / GFM), Actividade do intelecto e realismo cognitivo
    • Gonçalo Figueiredo (Universidade do Porto / GFM), Escoto e a nobreza da vontade no comentário dos conimbricenses sobre o Da Alma
    (20h00 jantar)

    21 de Outubro - Sala 208
    9h30-11h00
    • José Luís Fuertes Herreros (Universidad de Salamanca), Memoria y arte de la memoria en la escolástica del Barroco durante la Unión Ibérica: de la Universidad de Coimbra y su Cursus (1592-1606) al entorno de la Universidad Complutense (1659)
    • Manuel Lázaro Pulido (Universidade do Porto / GFM), Variaciones sobre el alma en el siglo XVI: los Conimbricenses versus el misticismo del franciscano Juan de los Ángeles (1536-1609)
    11h30-13h00
    • Paula Oliveira e Silva (Universidade do Porto / GFM), A origem das almas intelectuais (Comentário, II, qq. 3-5)
    • Mário Santiago de Carvalho (Universidade de Coimbra), Metafísica do conhecimento: o problema da separação da alma
    • Encerramento do colóquio
    (13h30 almoço)

    Inscrições

    Estudantes: gratuito.
    Inscrições por email para gfm-secretariado@letras.up.pt

    O De anima dos conimbricenses


    Organização
    Projeto Filosofia escolástica Ibérica e as encruzilhadas da razão ocidentalGabinete de Filosofia Medieval (IF - UP) - Projeto Curso Conimbricense e Verney (UI&D - LIF, Coimbra)
    Secretariado: Isabel Marques (IF); Patrícia Teixeira - Ana Lima (GFM).
    Contacto: gfm-secretariado@letras.up.pt

    Apoios e Financiamento:
    IF/GFM | FLUP | FCT (Programa FACC)

    Go back